Hídrico

Pedro Adrielino perguntou: Ola, Diante das dificuldades dos recursos hídricos no sistema de abastecimento de água no projeto da minha cidade. Foi construída uma Caixa da água com capacidade de 50.000 l de água. Precisando perfurar 3 poços profundos ao lado da caixa, porém apresentou-se com baixa capacidade de água para abastecer o sistema que a caixa distribui. Fizeram alguns testes e foram perfurar um novo poço a exatamente a 2km de distância, não sendo possível colocar uma boia na Caixa para acionar automaticamente a bomba do poço segundo os executores da obra, devido à distância. A caixa demora em torno de 12hs para encher, tipo 4 mil litros por hora. Ocorrendo variações de meia hora para mais e meia hora para menos, isto é, para encher totalmente a caixa dentre as 12hs. Devido ao sistema ter pontos de distribuição no raio de 2km de distância. A caixa precisa operar com capacidade acima de 70% para não faltar água nas torneiras da comunidade. Tem duas linhas de discursão. O acionamento da bomba está manual. Primeira linha. Fechar o registro da caixa durante a noite e deixar enchendo à noite toda e de manhã liberar a água e deixar a bomba acionada por mais umas 3hs para complementar as tubulações secas, isto é, 15hs a bomba funcionando. E ligar depois umas 12hs do dia até umas 15hs da tarde. E novamente fecha a noite o registro da caixa e enche novamente. Questão é o desperdício caso a caixa encha durante a noite. Como vai ser acionado manualmente a bomba há um controle maior, pois na hora que encher é só ir e desligar à bomba. Segunda Linha Colocar um aparelho na bomba para acionar com intervalos de tempos. Porém o registro da caixa tem que ser fechado à noite, pois a capacidade de encher toda é de 12hs. Afinal o sistema é ineficiente sai mais água do que entra. Por isso é necessário fechar o registro e deixar encher. O problema é caso a caixa encha durante a noite e haja o desperdício ou a caixa operar com baixa capacidade e não ter acesso à água em algumas torneiras. As variáveis são: O uso da água é mais durante o dia. Não haverá novas perfurações de poços. Queria saber o que a engenharia pode dizer sobre este caso, e se existe outra saída e mais viável. Levando em conta o desperdício principalmente, devido à escassez. m sistema de abastecimento de água.


Pergunte ao Engenheiro responde: Prezado Pedro, sugerimos que consulte um engenheiro especialista em poços artesianos que irá analisar a rede hídrica de sua Cidade e verificar as possibilidades.





Featured Posts
Posts em breve
Fique ligado...
Recent Posts
Archive
Search By Tags
Nenhum tag.
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Pergunte ao Engenheiro

© 2016 by RSB Engenharia e Diagnóstico

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now